Texto teatral - DIA DO PADRE



DIA DO PADRE
Datas Especiais – Ano A
De Emílio Carlos

(Entram Joca e Clarinha)

JOCA – Oi, Clarinha!

CLARINHA – Oi, Joca!

JOCA – Oi, pessoal. Mais forte vai: oi, pessoal!!

CLARINHA – Agora melhorou.

JOCA – Você está sabendo da novidade, Clarinha?

CLARINHA – Não. Me conta!

JOCA – O Marquinhos quer ser padre.

CLARINHA – Nossa, que legal!

JOCA – Olha ele lá!

(Entra Marquinhos)

JOCA – E aí, Marquinhos?

MARQUINHOS – Oi, pessoal!

CLARINHA – É verdade que você quer ser padre?

MARQUINHOS – É verdade sim, Clarinha. Eu decidi.

JOCA – Puxa, que legal! Um amigo meu padre! Quando é que vai ser a primeira missa?

MARQUINHOS – Não é assim não, Joca. Primeiro é preciso se preparar, estudar muito a Palavra de Deus.

JOCA – Puxa, pensei que no domingo você já ia celebrar a missa....

CLARINHA – Ô Joca exagerado, né gente? O Marquinhos nem fez o crisma ainda.

MARQUINHOS – É. Primeiro é preciso receber o sacramento do crisma e depois se preparar muito.

CLARINHA – Mas por que você quer ser padre?
 
JOCA – É mesmo: por que?

MARQUINHOS – Eu não consigo explicar. Só sei que eu quero ser padre.

JOCA – Interessante isso! Vocês já pensaram por que alguém resolve ser padre?

CLARINHA – Eu não.

JOCA – Então olha: vamos perguntar para o Padre Carlos.

CLARINHA – Olha ele aí!

(Entra Padre Carlos)

PADRE – Bom dia, crianças!

JOCA – A benção, padre!

PADRE – Deus abençoe a todos vocês!

CLARINHA – Padre: o Marquinhos aqui decidiu ser padre.

PADRE – Oh, que bom, Marquinhos! Eu fico muito feliz.

JOCA – Mas padre: por que o senhor resolveu ser padre?

PADRE – Eu senti o chamado de Deus para trabalhar na obra de Jesus.

JOCA – Olha, que bonito isso!

CLARINHA – E pra ser padre é preciso o que?

PADRE – Bom Clarinha: primeiro é preciso vocação.

MARQUINHOS – Como eu vou saber se eu tenho vocação pra ser padre?

PADRE – Com o tempo você vai descobrir, Marquinhos. Deus vai lhe mostrar. Depois é preciso muito amor ao próximo.

CLARINHA – E muita dedicação às pessoas, né Padre?

PADRE – É. Um padre passa a vida se dedicando ao rebanho de Deus, quer dizer, às pessoas da paróquia.

JOCA – É preciso se preparar muito pra ser padre?

PADRE – Precisa sim, Joca. É preciso muito estudo e muita oração. É preciso também que a pessoa entregue sua vida totalmente ao serviço de Deus.

MARQUINHOS – Agora eu tenho certeza: ser padre é o que eu quero ser.

JOCA – Olha, parece bem legal mesmo!

CLARINHA – Mas tem uma coisa que a gente está esquecendo.

JOCA – O que, Clarinha?

CLARINHA – Gente: hoje é dia do padre. Dia dessa pessoa tão especial que dedica sua vida a Deus.

JOCA – Que está aqui todo domingo celebrando a missa, faça chuva ou faça sol...

MARQUINHOS – Que está sempre aqui na paróquia atendendo as pessoas, cuidando da Igreja...

CLARINHA – Dia de quem está sempre rezando por nós e trazendo a Palavra de Deus mais perto de nós.

JOCA – Então, se é dia do padre, não pode passar em branco, pessoal.

CLARINHA – Isso mesmo: vamos cantar parabéns para o nosso padre!

JOCA – Vamos lá!

(Cantam “Parabéns pra você” para o padre da Missa. Depois se despedem).

TODOS – Tchau pessoal! Tchau!

F i m